Liberty Silver - Moedas de Prata sem IVA

Liberty_Silver_PT

Facebook BI

Quinta-Feira,�14 deNovembro,�2019

Causa?

cesarneves_Destak

por João César das Neves*

Joan Baez vem a Portugal. Uma das vozes mais importantes da música de intervenção dos anos 1960’s, defensora indefectível da não violência, direitos humanos e ambiente, vai actuar entre nós na segunda década do século XXI.

A juventude rebelde, que a idolatrou há 50 anos, pode ficar surpreendida de, aos 69 anos, ela ainda cantar e estar activa. Mas a sua carreira parece tão viva hoje como nos tempos de John Kennedy.

O jornalista fez-lhe a pergunta incontornável: «se escrevesse hoje uma canção que tema abordaria?» (Sol, 26/Fev, p.52). A própria pergunta mostra que a carreira, afinal, não está assim tão viva, dado que já não escreve canções. Mas o mais curioso é a resposta. «As pessoas deveriam saber que actualmente passo muito tempo com a família.» Esse é o tema ou a desculpa?

Joan Baez já não tem causas que mereçam canções, porque passa tempo com a família. Isso é irónico, porque os seus antigos fãs e correligionários, aqueles que não abandonaram a luta, estão hoje empenhadíssimos a combater precisamente contra a família. Em tempos, ao som da música de Joan, a juventude rebelde esforçava-se por promover a justiça social e a igualdade de direitos.

Hoje deixou-se disso e dedica-se antes a divulgar o aborto e a homossexualidade. Ou melhor, acha que a igualdade de direitos implica o deboche e a promiscuidade e o novo opressor é a família, a que teima em chamar «tradicional».

Joan Baez, a sua musa de outrora, não os acompanha. Ela sabe que, no final, só a família vale a pena. Infelizmente, não consegue pôr essa causa numa canção.

 


Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar


*João César das Neves é professor na Faculdade de Ciências Económicas e Empresariais (FCEE) da Universidade Católica Portuguesa em Lisboa.

 

Publicado no Destak dia 4 de Março 2010

 

Comentários (0)

Subscrever RSS deste comentário.

Exibir/Ocultar comentários.

Escreva um comentário.


busy

AVISO: A informação contida neste website foi obtida de fontes consideradas credíveis, contudo não há garantia da sua exactidão. As opiniões aqui expressas são-no a titulo exclusivamente pessoal. Devido à variação dos objectivos de investimento individuais, este conteúdo não deve ser interpretado como conselhos para as necessidades particulares do leitor. As opinões expressas aqui são parte da nossa opinião nesta data e são sujeitas a alteração sem aviso. Qualquer acção resultante da utilização da leitura deste comentário independente do mercado, é da exclusiva responsabilidade do leitor.